sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Reta final das modalidades coletivas nos Jogos Abertos em Maringá

A maior festa esportiva do Paraná chega na reta final nesta sexta-feira (28.09) em Maringá apresentando quem melhor desenvolve o esporte em seus municípios. Os Jogos Abertos do Paraná iniciados na última sexta-feira (21.09) com a participação de 43 municípios paranaenses já entregou 330 medalhas, sendo 107 de ouro, 105 de prata e 118 de bronze. 54 dos 105 troféus distribuídos nos JAPs já tem dono e a maioria deles nem vão viajar, permanecerão em Maringá que lidera todos os quadros de análises da competição.

Na quinta-feira (27.09) foi encerrada a fase de grupos nas modalidades coletivas do masculino: futsal, futebol, handebol, basquetebol e voleibol. Os quatro semifinalistas de cada modalidade jogam para garantir uma medalha de prata no mínimo ao se colocarem na final. No futsal, modalidade com maior apelo de mídia no Estado e onde estão os grandes investimentos, as semifinais acontecem no Ginásio Chico Neto com jogos entre Maringá e Ponta Grossa e na outra semifinal Cascavel e Francisco Beltrão.

Já pelo handebol masculino, que também tem os jogos semifinais no Ginásio Chico Netto, as semifinais serão entre Goioerê e Londrina e na outra, um clássico tradicional de muita rivalidade, Cascavel e Maringá vão fazer uma verdadeira batalha para um vaga na final.


No futebol, a atual campeão Paranavaí não conseguiu repetir o feito e está fora das semifinais. Vice no ano passado, Araucária tenta contra Francisco Beltrão no mínimo repetir o mesmo desempenho. Na outra semifinal, duas tradicionais forças do futebol se enfrentam: Maringá e Ponta Grossa jogam no Estádio Willi Davis.


Maringá e Pato Branco decidem uma vaga na final do basquetebol, enquanto na outra semifinal Campo Mourão, atual campeão dos JAPs, luta para chegar à mais uma final contra a equipe de Londrina. Os jogos de basquetebol serão realizados no Ginásio do Maringá Country Clube.


Única modalidade coletiva ainda em disputa no masculino e feminino, o voleibol terá semifinais do masculino colocando frente a frente Araucária e Cascavel e Maringá e Foz do Iguaçu. Tradicionais forças da modalidade, as quatro estiveram na fase final do Estadual Adulto há menos de 15 dias com o título ficando para Maringá, que chegou na competição como favorita e vai contar com o apoio da torcida no Ginásio Regina Mundi.


No voleibol feminino, não há semifinal ou final. As cinco equipes participantes já jogaram quatro rodadas e apenas três delas chegam com chance de título. O caminho mais fácil é o de Cascavel, basta vencer o jogo contra Maringá para ficar com o ouro. Ponta Grossa tem uma vida mais complicada, pois precisa vencer Londrina e torcer por uma vitória de Maringá. Já a equipe da casa tem a situação mais complicada, pois precisa vencer Cascavel e ainda torcer para Londrina, que mesmo sendo atual bicampeã dos JAPs, ainda não venceu nenhum jogo na competição.


Maringá que tem a Vila Olímpica como o quarto melhor centro de treinamento de vôlei de praia do Brasil, não poderia ficar de fora das finais da modalidade nos JAPs. E repetindo o que aconteceu no ano passado, a final feminina será entre duas duplas da Cidade Canção. Em ritmo de festa, Juliana e Camila jogam contra Naiara e Karine, mas já assegurando o título do vôlei feminino para Maringá. No masculino, um duelo que promete fortes emoções. João Paulo e Felipe de Maringá enfrentam Arthur e Ruan de São José dos Pinhais na luta pela medalha de ouro. As finais do vôlei de praia serão transmitidas através da TV SEES e também da Catve/TV Educativa.


Das modalidades individuais, o atletismo que já começou na quarta-feira (26.09) se encerra na sexta-feira (28.09) com uma briga intensa pelo título da modalidade nobre, mãe de todos os esportes. Nesta quinta-feira (27.09) Paranavaí e Londrina deram um salto e agora já encostam em Maringá e Campo Mourão na liderança da modalidade, que tem ainda Ponta Grossa e Cascavel correndo por fora. Paranavaí conquistou ouro nas seguintes provas: 3.000m com obstáculos masculino; arremesso de peso masculino; heptatlo feminino; e 1.500 rasos masculino. Já Londrina levou a melhor nos 3.000m com obstáculos feminino; no arremesso de peso feminino; nos 1.500 rasos feminino; e no revezamento 4x100m feminino.


Outra modalidade que tem a plasticidade e a beleza como elementos, mostrou mais um ano que o domínio permanece na cidade que mais investiu em rendimento nos últimos anos. A ginástica rítmica de Toledo conquistou quatro das oito vagas reservadas para as atletas nas finais da modalidade que acontece nesta sexta-feira (28.09) e tem tudo para ficar com todas as medalhas da ginástica rítmica dos JAPs.


Quem também está retornando ao Jogos Abertos do Paraná como modalidade oficial é o karatê. Afastado durante um bom tempo, o esporte praticado e disseminado no Estado na década de 1990 voltou a ter um número de praticantes condizente com a expressão que o esporte já representou. O karatê será disputado no Ginásio de Esportes do Parque do Japão.


Nas águas da piscina do Maringá Country Clube começa nesta sexta-feira (28.09) a modalidade de natação, trazendo à Maringá os grandes nomes do esporte paranaense. Cascavel que teve o melhor desempenho no ano passado vem como grande favorita a levar o maior número de medalhas.


O quadro de pontuação dos Jogos Abertos do Paraná não sofreu alteração nesta quinta-feira. Nenhuma modalidade foi encerrada e nenhum ponto foi computado. As posições seguem inalterados, mas pela manhã desta sexta-feira (28.09) com o encerramento do atletismo, pode haver uma troca de posições. Maringá não deve ser alcançada, pois tem um atletismo também muito forte, mas Paranavaí, Londrina e Campo Mourão devem crescer e atormentar a vida de Cascavel que segue na vice-liderança.


Os Jogos Abertos do Paraná são realizados pelo Governo do Estado, através da Secretaria do Esporte, em parceria como município de Maringá e contam com o patrocínio da Renault. Participam dos JAPs atletas paranaenses que atuam, estudam, nasceram ou residem em um dos 43 municípios participantes desta edição.


Fonte: Coordenação de Comunicação
Secretaria do Esporte do Paraná

Nenhum comentário:

Postar um comentário